5 dicas sobre como encontrar as melhores vagas de emprego

Veja neste artigo algumas dicas bem importantes sobre como encontrar as melhores vagas de emprego no mercado de trabalho!

Anúncios

Hoje, vamos resumir as coisas a uma pequena lista de dicas de como conseguir as melhores vagas de emprego sólidas e intemporais que o ajudarão a afinar sua estratégia para que você possa navegar através do processo.

Portanto, acompanhe este artigo até o final e fique por dentro das novidades!

Como encontrar as melhores vagas de emprego no mercado?

1. Faça um currículo completo e interessante

Quando você se candidata a um emprego através de um processo de candidatura online, é muito provável que seu currículo seja primeiramente triado por um sistema de rastreamento de candidatos e depois passe para os olhos humanos. 

Os primeiros olhos humanos que revisam seu currículo são frequentemente os de uma pessoa ou recrutador de RH, que pode ou não compreender todas as nuances do emprego para o qual você está se candidatando.

Assim, convém que você torne muito simples, tanto para o computador quanto para o humano, conectar rapidamente seu “Aqui está o que estamos procurando” ao seu “Aqui está o que você pode passar por nossas portas e entregar”.

Dica profissional

Estude a descrição do cargo e qualquer informação disponível sobre o cargo. Você está descrevendo as palavras e frases na descrição do cargo? 

Você está demonstrando seus pontos fortes nas áreas que parecem ser de suma importância para este papel? Alinhe-se!

2. Não se limite a candidaturas online durante a busca de emprego

Você quer que a busca pelas melhores vagas de emprego seja eficaz? Bem, então não se limite apenas ao envio de currículos onlines. 

Comece a encontrar e depois se preocupe com as pessoas que trabalham naquela empresa de interesse. Agende entrevistas informativas com os futuros colegas. Aproxime-se de um recrutador interno e faça algumas perguntas. Entre no radar das próprias pessoas que possam influenciá-lo a conseguir uma entrevista. 

Dica profissional

Fazendo fila com as pessoas do interior das empresas nas quais você quer trabalhar, você se diferenciará instantaneamente. 

Afinal, os tomadores de decisão entrevistam pessoas que vêm recomendadas ou por indicação pessoal antes de começarem a classificar através dos currículos. 

3. Lembre-se de que seu currículo (e perfil do LinkedIn) não é uma tatuagem

Sim, seu novo currículo é adorável. Seu perfil no LinkedIn é de tirar o fôlego. 

Entretanto, se eles não o posicionarem como um par direto para um papel particular que você está procurando, não tenha medo de modificar a redação, trocar termos chave e trocar pontos de entrada e saída. 

Seu currículo não é uma tatuagem, nem o seu perfil no LinkedIn. Trate-os como documentos vivos e respiráveis ao longo de sua busca de emprego (e carreira).

Dica profissional

Se você é um buscador de emprego disfarçado, lembre-se de desligar as transmissões de suas atividades (dentro da privacidade e das configurações) quando fizer edições em seu perfil no LinkedIn. 

Se seu chefe atual ou colegas estiverem conectados a você no LinkedIn, eles podem desconfiar de todas as mudanças frequentes.

4. Seja você mesmo e aja de forma natural

Perceba que poucas pessoas são contratadas porque tinham um espaço branco perfeito em suas cartas de apresentação, memorizaram todas as perguntas “corretas” da entrevista ou usaram fraseologia incrivelmente segura e comum (ou seja, clichês) ao longo de seus currículos. 

Toda essa correção vai fazer com que você pareça encenado e nada natural. 

Em vez disso, dê a si mesmo permissão para ser ao mesmo tempo polido e cativante. Os candidatos memoráveis e simpáticos são quase sempre os que vão longe.

5. Se você não está no LinkedIn, você quase não existe

Considerando que mais de 90% dos recrutadores usam o LinkedIn como sua principal ferramenta de busca, isto não é um eufemismo. 

Se você é um profissional, você não precisa apenas estar no LinkedIn, você precisa estar usando-o para seu pleno benefício. 

Não acredita em mim? Pense desta maneira: Se amanhã de manhã, um recrutador entrar no LinkedIn procurando alguém em sua geografia, com experiência no que você faz, e você não estiver lá? 

Adivinhe quem eles vão encontrar e entrar em contato? Temos certeza que não é com você!

Dica profissional

Se você descobrir como aproveitar o poder de outra ferramenta de mídia social para a busca de emprego, descubra o LinkedIn. 

Afinal, esse é (de longe) o melhor recurso que temos hoje disponível para a rede de contatos de carreira e busca de emprego, para encontrar pessoas trabalhando em empresas de interesse, e para se posicionar para ser encontrado por um recrutador que tenha uma vaga de emprego relevante.

Dúvidas sobre como encontrar as melhores vagas de emprego? Deixe abaixo nos comentários! Clique aqui para saber mais novidades!

Gostou deste conteúdo?

COMPARTILHAR
COMPARTILHAR
TWITAR

VEJA TAMBÉM:

Copyright © 2019 – 2021 Dinheiro Bem Cuidado CNPJ: 23.654.977/0001-28

0

Aguarde… Carregando Conteúdo