Acréscimo na conta de luz: De acordo com a Aneel será de

O acréscimo na conta de luz já foi anunciado pela Aneel e tem previsão para acontecer ainda este mês. De acordo com as informações, a região Nordeste do país será a população que terá o reajuste em suas contas de luz mensais, afetando principalmente o Rio Grande do Norte. 

Anúncios

Por isso, é preciso se organizar financeiramente ou então economizar para não sofrer. O acréscimo na conta de luz pode variar para até 10% a mais do valor anterior, o que vai gerar uma mudança rápida no bolso do cidadão. 

De acordo com a Aneel, os reajustes podem funcionar de duas formas: no caso das residências, a alteração vai aumentar 8,9% no valor mensal. Por outro lado, as empresas e indústrias, com um consumo maior terão de pagar um reajuste de mais de 11% ao mês. 

Anúncios

Aneel e o anúncio do acréscimo na conta de luz

A Aneel é a Agência Nacional de energia. Sendo uma autarquia em regime especial e que tem vínculo com o Ministério de Minas e Energia, ela regula tudo o que diz respeito à distribuição energética no Brasil. 

Anúncios

Entre as funções da autarquia, está a regularização e transmissão de energia elétrica no Brasil. Além disso, a Aneel tem como objetivo fiscalizar a prestação de serviços e ainda estabelecer quais serão os valores das tarifas a serem pagas pelos consumidores. 

Acréscimo na conta de luz: entenda como vai funcionar 

Segundo a Aneel, o acréscimo na conta de luz se deve à chegada da pandemia. De acordo com os dados divulgados, os valores pagos pela população caíram mais de 4% no último ano. Isso significa que a população pagará um valor maior para que o prejuízo possa ser amenizado, visto que a folha orçamentária da distribuidora fechou de forma negativa. 

Além disso, o acréscimo também está relacionado ao atraso no pagamento de indenização às transmissoras, que teve a alteração de prazo. De acordo com informações da própria Aneel, no ano de 2021 estima-se que os brasileiros paguem cerca de 3 milhões de reais a mais, para que as taxas de inadimplência de 2020 possam ser cobertas. 

Anúncios
Anúncios

Os resultados são impactantes e podem afetar muito a situação econômica de diversas famílias brasileiras. 

Impacto no bolso dos brasileiros

Para os moradores que vivem no Rio Grande do Norte e vão sofrer com a mudança brusca nos valores da taxa de energia, economistas dão algumas dicas importantes. 

Em primeiro lugar, é importante poupar. O que mais gasta energia em uma casa é o chuveiro elétrico, o ar condicionado, a máquina de lavar e eletrodomésticos antigos, sem o sistema de economia de energia. 

Além disso, é de suma importância que neste momento de acréscimo na conta de luz o cidadão possa acompanhar os seus gastos por meio dos próprios contadores de energia. Isso é importante, visto que em casos de cobrança indevida na energia elétrica, o cidadão pode reclamar e solicitar uma indenização ao notificar o erro contra a distribuidora de energia. 

Anúncios

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima