Aplicativo Meu INSS: saiba tudo

Resolva o que precisar sem sair de casa através do aplicativo

Mais de 23 milhões de pessoas recebem benefício do INSS, o Instituto Nacional do Seguro Social. Imagine se todos esses brasileiros procurassem agências simultaneamente, de forma presencial? Claro que nunca chegamos a este ponto, mas quanto mais as pessoas puderem resolver questões sem sair de casa, melhor.

Pensando nisso, vamos te ensinar tudo sobre o aplicativo Meu INSS. A plataforma foi criada para facilitar procedimentos que durariam horas, e pode até mesmo servir para quem não sabe como o INSS funciona, quais seus benefícios e como garantir o ideal para cada caso.

Portanto, pegue papel e caneta e saiba tudo sobre o INSS. Muitas pessoas têm direito ao benefício e muitas vezes nem sabem, o que pode ser o seu caso. Destaca-se que o aplicativo pode ser baixado em qualquer smartphone, desde que tenha espaço para suas funcionalidades. Vamos lá!

INSS: para que serve?

Basicamente, todos terão direito ao INSS em algum momento da vida, desde que tenha havido alguma contribuição. Esse valor se torna para muita gente o ideal para ter uma renda mensal até o fim dos dias, portanto, é importante que a contribuição seja feita se este for seu objetivo.

Como é o cálculo?

Com um percentual pré-estipulado pela previdência, é simples calcular quanto será descontado para o INSS. Com o valor do Salário, ele deve ser dividido por 100 e multiplicar pelo valor da alíquota. Portanto, se há um ganho de R$ 2.500,00, a alíquota será de 12%.

Todos os meses, é preciso ter o desconto na folha de pagamento. A não contribuição, sem aviso ao trabalhador, pode gerar punições ao local empregador. Observe em seu holerite se os descontos são feitos, inclusive a contribuição para o FGTS;

Principais benefícios

Ainda que seja mais conhecido pelas aposentadorias, o INSS aumentou sua gama de ofertas ao longo dos anos. Além das aposentadorias por idade, as mais comuns, o Instituto é responsável por outros inúmeros pagamentos, como:

  •  Auxílio-doença, ou auxílio-doença acidentário
  • Pensão por morte de segurado
  • Licença Maternidade
  • Seguro-desemprego
  • Licença-paternidade
  • Auxílio-reclusão
  • Benefício de Prestação Continuada (BPC)

É importante destacar que não é simples conseguir qualquer um desses benefícios. Cada um exige cumprimento de uma série de critérios, e todas as comprovações documentais pedidas passam por análise da Previdência Social, que pode durar dias, semanas ou meses.

E se eu parar de contribuir?

Todo trabalhador tem a opção de interromper a contribuição, desde que isso seja informado ao empregador. A Reforma da Previdência permitiu que o trabalhador escolha duas modalidades, a de contribuição obrigatória e a facultativa, ou seja, é possível deixar de contribuir.

Se essa for a sua opção, é preciso destacar as implicações da decisão. Sem a contribuição para o órgão público, você perde a possibilidade de se aposentar pelo INSS e ter uma renda mensal garantida. Se preferir, pode também pagar uma Previdência Privada, e ter benefícios diferenciados. Pesquise a melhor opções, normalmente oferecidas por instituições financeiras.

Aplicativo Meu INSS

Agora que você tem toda a introdução do assunto, é hora de saber como utilizar seu celular para resolver todos os problemas. Com o aplicativo do INSS, o segurado, principalmente, evitará muito transtorno. Por isso, saiba como baixá-lo a seguir.

Como baixar?

Procure na loja de aplicativos do seu celular (Apple Store ou Google Play) o aplicativo de mesmo nome, e escolha por aquele que tem certificado de segurança do governo federal. Esse aplicativo é gratuito, portanto, não clique em plataformas parecidas, e cobrem valores, já que pode ser um golpe.

Para acessar seu benefício ou começar a utilizar a plataforma, é preciso ter uma conta nas plataformas do governo, a gov.br. Sendo assim, já é possível acessar o aplicativo com a mesma senha que você acessa outras plataformas que possuem a sigla gov.br.

Quais as funcionalidades?

Há dezenas de aplicações que podem ser feitas pelo aplicativo, até mesmo uma simulação do valor da sua aposentadoria, o que é informativo até para aqueles que ainda vão demorar anos para se aposentar. Ademais, é possível também:

  • Agendar serviços e tentar pelos benefícios
  • Pedir auxílios, como o auxílio-doença
  • Solicitar o salário maternidade
  • Se estiver com algum processo em andamento, enviar fotos de documentos através do aplicativo
  • Pedir extrato de contribuição
  • Pedir guiar, como da Previdência Social
  • Acompanhar, sem sair de casa, qualquer solicitação em andamento
  • Verificar o calendário de pagamento, seja qual for o benefício
  • Confirmar vínculos trabalhistas
  • Verificar sobre empréstimos consignados
  • Agendar Prova de Vida ou tirar dúvidas quando a etapa
  • Solicitar o BPC, que paga um salário mínimo para idosos e pessoas com deficiência

Extratos sem sair de casa

Muitos idosos acabam pedindo extratos importantes de forma presencial em uma agência do INSS sem saber que muitos podem ser solicitados pelo aplicativo. Através do celular, você pode conseguir:

  • Extrato de contribuição. Independetemente do local ou ano de trabalho, o extrato de contribuição fica disponível no seu App Meu INSS. Para quem precisa da informação para conseguir benefícios ou comprovar contribuições, consegue em poucos minutos no aplicativo sem burocracia.
  • Extrato de pagamento. Neste caso, o serviço disponibiliza todos os comprovantes de pagamentos que benefícios que o usuário recebe do INSS. Com o extrato você tem datas, banco de depósito e valores totais do INSS, a hora que precisar e sem sair de casa.
  • Empréstimo consignado. Muitos aposentados têm empréstimo dessa modalidade com o INSS, e para conferir todos os pagamentos é possível selecionar a opção nesta aba. Rapidamente, você confere os dados de pagamento, descobre datas e qual o juros da época que contratou o empréstimo.

Segurança e praticidade

Por fim, baixe o aplicativo para ter segurança nas transações e evitar cair em golpes. Muitos idosos acabam recebendo ligações estranhas pensando facilitar a vida, mas, na verdade, está caindo em um golpe. Portanto, escolha pelo aplicativo que é seguro, protege seus dados e ainda evita o transtorno de buscar uma agência. Ao longo da pandemia o sistema foi melhorado, o que garante solicitações seguras e rápidas para os beneficiários.

Mônica

Formada em Jornalismo pela UNIGRAN (Dourados), experiente em conteúdos de finanças.