Cartão mesada: a mesada do seu filho em um cartão de crédito

Se você tem o costume de dar uma quantia mensalmente para o seu filho, sabia que é possível fazer um cartão mesada?

Anúncios

Assim, ao invés de entregar o dinheiro em cédulas, você entrega um cartão de plástico, bem parecido com um cartão de crédito, e já acostuma a criança ou o adolescente a ter contato com esse produto que todo adulto usa.

Quer saber o que é um cartão mesada e quais são as vantagens dele? Continue lendo este artigo!

Anúncios

Cartão mesada: o que é?

Há alguns anos atrás, esses cartões dedicados a crianças e adolescentes eram conhecidos popularmente por cartão mesada. Porém, recentemente passaram a ser chamados de cartão pré-pago.

A fintech BPP, por exemplo, oferecia cartões personalizados para o público infantil, como o Cartão Mesada Turma da Mônica e o Cartão Mesada Capricho, ambos de bandeira Visa. Entretanto, esses dois modelos não estão mais disponíveis para solicitação.

Como funciona um cartão pré-pago?

Um cartão pré-pago, com o próprio nome já diz, funciona por meio de recargas, como se fossem os créditos de um celular. Primeiro você deposita o dinheiro, depois usa o cartão.

Ele é associado a uma conta digital, para a qual vai o dinheiro de cada recarga e o saldo disponível se torna o limite do cartão.

Anúncios

Por exemplo, se você quer um limite de R$ 500 por mês, basta recarregar esse valor na conta e depois começar a usar o cartão. Quando não tiver mais saldo, não será mais possível usá-lo, a menos que você faça uma nova recarga.

Apesar de funcionar de forma parecida com um cartão de débito, o modelo pré-pago é aceito na função crédito nos sites e maquininhas, o que faz com que ele seja aceito em muito mais lugares, assim como os cartões de crédito. Por outro lado, todas as compras são feitas à vista, sem possibilidade de parcelamento.

Justamente por serem pré-pagos, não há faturas e nem exigência de análise de crédito. Por esse motivo, muitas pessoas negativadas também têm aderido aos cartões pré-pagos.

5 vantagens de usar um cartão pré-pago para mesada

  • Educação financeira

O dinheiro físico está sendo cada vez menos utilizado. Ao depositar a mesada em um cartão, a criança terá o primeiro contato com esse tipo de produto. 

Pelo aplicativo do cartão, ela saberá quanto tem disponível de saldo, e aprenderá a gerenciar melhor o dinheiro, o que não seria possível com as cédulas.

  • Controle dos pais

Também pelo app ou extrato do cartão, os pais saberão onde os filhos estão gastando o dinheiro e conseguirão acompanhar os gastos. 

Caso perceba que o dinheiro está acabando e não será suficiente, também poderá fazer uma nova recarga.

  • Segurança

Criança e adolescente andando com muito dinheiro na rua é sempre um perigo. Eles podem perdê-lo ou até serem assaltados. 

Usando um cartão mesada, além de ter uma senha para utilizá-lo, há a possibilidade de solicitar uma segunda via, caso aconteça de perder o plástico.

  • Viagens

Outro uso muito comum do cartão pré-pago é para viagens, intercâmbios ou quando os filhos vão morar fora. Muitos desses cartões são internacionais, podendo ser usados fora do país.

Torna-se muito mais prático e seguro usar um cartão para enviar esse dinheiro do que mandá-lo em espécie ou necessitando fazer o saque em um banco.

  • Menos burocracia

Como dissemos, o cartão pré-pago dispensa análise de crédito e geralmente não exige idade mínima. Muitas das vezes, a pessoa nem precisa ser cliente do banco para solicitá-lo. 

Basta abrir uma conta digital em poucos minutos, digitar o endereço e pedi-lo.

Os 3 cartões pré-pagos mais famosos

É importante ressaltar que, apesar da praticidade, os cartões pré-pagos (ou cartão mesada) costumam cobrar algumas taxas e tarifas. Confira os 3 modelos mais famosos:

Ourocard Banco do Brasil Visa Pré-pago

  • Tarifa para emissão do cartão: R$ 10.
  • Taxa de manutenção mensal: R$ 5.
  • Saques: 2 gratuitos por mês. A partir do terceiro, tarifa de R$ 5 por saque.
  • Tarifa por recarga: não há, desde que a recarga seja feita pelos Terminais de Autoatendimento ou aplicativo do Banco do Brasil.

Acesso Card Mastercard Internacional

  • Tarifa para emissão do cartão: grátis, se a primeira recarga for a partir de R$ 100. Caso não seja, o valor é de R$ 14,90.
  • Taxa de manutenção mensal: R$ 5,95 (apenas se houver saldo no cartão).
  • Saques: R$ 8,95 por saque.
  • Tarifa por recarga: gratuita para recargas de pelo menos R$ 500, feitas por boleto, débito em conta ou depósito identificado. Abaixo disso, há uma tarifa de R$ 2,50 por recarga via débito em conta e R$ 2,90 via boleto.

Bradesco DIN Elo ou Visa Internacional

  • Tarifa para emissão do cartão: R$ 9,90.
  • Taxa de manutenção mensal: gratuita.
  • Saques: R$ 1,90 por saque nacional. Para saques fora do Brasil, não é cobrada tarifa por parte do cartão.
  • Tarifa por recarga: R$ 9,70 por recarga feita via TED. Caso ela seja feita por depósito em espécie em um correspondente Bradesco Expresso, não há tarifa.
Rolar para cima