CDB – Descubra tudo o que você precisa saber sobre esse investimento

Se você deseja saber o que é o CDB e como você pode investir dentro desse setor, esse post é para você.

Anúncios

Aqui falarei tudo o que é preciso saber sobre o tema e claro, apresentarei quais são os tipos de investimento e as principais características que você como investidor precisa conhecer.

Boa leitura!

O que é o CDB?

Mais famoso pela sua sigla CDB, o Certificado de Depósito Bancário é um titulo de renda fixa e são emitidos pelas instituições financeiras.

Nesse caso, ao comprar esse título a instituição financeira te garante o valor pago pelo título e os juros ao final do período determinado.

Assim, quando o título vencer, você recebe o que você investiu e os rendimentos que aconteceram durante esse período.

Ou seja, é como você estivesse emprestando parte do seu dinheiro ao banco.

Normalmente esses dinheiros são utilizados para se tornar possível o empréstimos para outros clientes, de diversas maneiras.

Como o CDB funciona?

Os CDBs são, na maioria das vezes, oferecidos pelos bancos de maneira direta aos seus clientes.

Por ser bem simples aplicar de investir e de receber os valores dos investimentos, esse modelo de investimento se torna bem popular, principalmente entre os investidores conservadores e iniciantes.

Se você não tem conta em algum banco, não tem problema, você pode buscar por algumas instituições financeiras que oferecem bons rendimentos e taxas e definir qual é o melhor para você.

Um item bem interessante sobre esse investimento é que o lucro é definido no ato da compra e vai variar de acordo com o prazo de vencimento do CDB.

Vale lembrar que cada banco pode oferecer o valor que ele quiser.

Quais são os tipos de CDB?

A sua lucratividade do CDB vai variar muito, de acordo com o tipo de certificado que você escolheu e, portanto, se atentar na hora de escolher é fundamental.

Abaixo falarei um pouco mais sobre esses modelos:

– Pós-Fixado – Atrelado ao CDI:

O CDB pós-fixado e atrelado ao CDI é o modelo de investimento mais comum entre os investidores.

Aqui, você irá receber um percentual da variação do CDI que pode acontecer durante o período de título.

Vamos imaginar que você encontre um CDB que está oferecendo aos seus investidores 100% por um ano.

Se o CDI durante esse período for de 10% a sua rentabilidade bruta vai ser então de 10% no ano.

Portanto, se o seu investimento foi de R$ 1.00 então você vai ter um lucro final de R$ 100.

– Pós-Fixado – Indexado à inflação:

Os CDBs indexados na inflação estão vinculados a um determinado índice, no caso aqui, IPCA.

Assim, o rendimento é composto pela variação desse índice com o acréscimo dos juros prefixados.

Ou seja, o investimento aqui acaba tendo um ganho real no período e ao mesmo tempo ele recebe uma correção da inflação durante esse tempo.

Isso quer dizer que você investidor vai saber exatamente o valor que você vai conseguir resgatar quando o título vencer.

Vamos imaginar que um banco te oferece um CDB que vai receber um rendimento de 9% no ano.

Diante desse caso, se você resgatar o valor emprestado depois de um ano, você vai resgatar R$ 1.090, sem descontar os impostos.

Quais são as principais características do CDB?

Assim como acontece em qualquer tipo de investimento os CDBs também possuem alguns riscos, custos entre outros detalhes que falarei aqui:

– Custos:

Diferentemente dos investimentos relacionados aos Fundos DI e o Tesouro Direto, não existe nenhuma taxa para investir no CDB.

Entretanto, aqui dentro você vai encontrar incidências de Imposto de Renda e IOF – Imposto sobre Operações Financeiras, que é cobrado somente em aplicações que irão durar um período menor que 30 dias.

Já o Imposto de Renda deve ser recolhido, tendo a sua variação de acordo com o prazo de aplicação.

– Riscos:

Assim como existe em qualquer outro investimento, existem alguns riscos que precisam ser considerados nos CDBs.

Certamente o principal deles está em uma possível falência da instituição que emitir o seu certificado.

Diante disso, o seu investimento vai estar garantido se o valor investido for menor de R$ 250 mil.

Acima deles valores, recomendo que você diversifique mais os valores.

– Liquidez:

Por fim, a liquidez vai variar, e por essa razão, é fundamental que você fique atento aos detalhes.

Existem alguns certificados que oferecem liquidez de maneira diária, permitindo que você faça resgastes em apenas dias uteis, enquanto outros têm um prazo maior para resgate.

Assim, é fundamental que você se atente as questões de liquidez na hora de decidir contratar um CDB, evitando perdas da sua rentabilidade se decidir resgatar antes do prazo.

 

Gostou deste conteúdo?

COMPARTILHAR
COMPARTILHAR
TWITAR

VEJA TAMBÉM:

Copyright © 2019 – 2021 Dinheiro Bem Cuidado CNPJ: 23.654.977/0001-28

0

Aguarde… Carregando Conteúdo