Entenda o que é taxa DI e qual a sua utilidade para o mercado financeiro

A taxa DI indica a taxa de juros que os bancos pagam para fazer empréstimos entre si. Neste caso, em situações em que um banco termina o seu dia no vermelho, é possível recorrer ao mercado interbancário. Assim, bancos com mais dinheiro podem fornecer os empréstimos.  

Anúncios

Vale lembrar que a taxa DI é essencial para o mercado financeiro. Entender sobre este valor é importante para quem deseja começar a investir ou já está no ramo.

Além de ser chamado de taxa DI, o termo também é conhecido como CDI, ou seja, Certificado de depósito Interbancário. 

Anúncios

Entenda o que é a taxa DI

No mercado financeiro, os bancos não podem finalizar o seu dia com saldo negativo. Então, caso uma instituição financeira tenha oferecido muitos empréstimos e tenha terminado o seu dia no vermelho, ela pode recorrer a um empréstimo chamado de “interbancário”. 

Anúncios

Por meio de um empréstimo interbancário, o banco pega emprestado o valor que necessita com outro banco. É exatamente neste momento que essa taxa é utilizada. 

A taxa DI indica o valor que o banco vai pagar de juros para a outra instituição financeira. Neste caso, o banco que pegou dinheiro emprestado tem até 24 horas para pagar, porém, com o valor corrigido da taxa.

Porém, você deve estar se perguntando o motivo desta taxa ser tão importante. Bom, a verdade é que a taxa DI deixa o mercado financeiro mais seguro e com mais estabilidade.

Anúncios
Anúncios

Saiba como fazer o cálculo da taxa

A taxa DI é essencial para que possamos analisar a saúde financeira de uma instituição. Sendo assim, instituições bancárias que solicitam empréstimo interbancário de forma recorrente podem apresentar um desequilíbrio e até mesmo risco de falência. 

Essa taxa não é fixa. Sendo assim, todos os dias ela é calculada de acordo com uma série de variáveis. Na verdade, o cálculo é feito da seguinte forma: 

  • É feita uma soma de todas as taxas aplicadas em empréstimos e transações bancárias ao longo do dia;
  • Após a soma, é feita uma média de valores aplicada entre todos os bancos do país;
  • A taxa DI sempre estará próxima do valor da taxa SELIC, que corresponde à taxa de juros básica do Brasil, definida pelo Banco Central;
  • Vale lembrar que quando a taxa SELIC é alterada pelo Banco Central, a tendência é que a taxa também seja modificada, o que também pode influenciar nas mudanças de indicadores. 

Conheça os investimentos que usam a taxa DI

Na hora de investir, a taxa influencia em uma série de operações. No caso dos investimentos em CDB, a taxa DI determina qual será a rentabilidade que os investidores terão. 

Os investimentos em LCI e LCA também são influenciados por esta taxa, por isso é necessário estar sempre acompanhando as mudanças. 

Atualmente, alguns bancos digitais oferecem o rendimento de 100% dessa taxa em suas contas correntes. Podemos citar, por exemplo, o Nubank e o PicPay, instituições que estão ganhando cada vez mais espaço no país. 

Anúncios

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima