Margem de garantia – Descubra tudo o que precisa saber sobre o tema

Se você atua no mercado financeiro, provavelmente já ouviu a expressão margem de garantia.

Anúncios

Bom, se você ouviu falar, mas ainda não conhece sobre fique comigo até o final, pois falarei tudo o que precisa para entender melhor tema.

Boa leitura!

Anúncios

O que é margem de garantia?

A margem de garantia é um valor depositado para poder garantir as suas operações no mercado financeiro.

Anúncios

Ela se tornou um dos pontos altos na Bolsa de Valores, pois, ela dá a possibilidade de os investidores aproveitarem melhor as oportunidades de investimento.

Vamos ser mais práticos?

Bom, antes de você investir alavancado, ou seja, movimentar um valor maior do que você tem, você precisa garantir que, caso perca dinheiro, você tenha como arcar.

Anúncios
Anúncios

Esse valor varia muito, sempre de acordo com o tipo de investimento que vai ser feito.

A partir disso, a margem de garantia funciona como um cheque ou um caução.

Ou seja, você precisa deixar uma garantia caso você não consiga pagar o valor depois.

Uma coisa que pode alterar o valor da margem é o prazo que você for definir.

Se você irá realizar operações diários, ou seja, de curtíssimo prazo é bem provável que tenha uma margem diferente das pessoas que fazem aplicações com prazos maiores.

Portanto, são três fatores que determinam a variação:

RECOMENDADO PARA VOCÊ:

CONTA + CARTÃO DE CRÉDITO PAN
   
  • O investimento que vai ser realizado;
  • A exigência da sua corretora;
  • Qual é o prazo dos seus investimentos.

A margem de garantia e alavancagem

Certamente, uma das principais vantagens da margem de garantia é que ela irá te permitir alavancagem.

Ou seja, ela te permite investir com valores maiores do que o seu patrimônio.

Aqui no site eu fiz um conteúdo onde faço exclusivamente sobre alavancagem, então, dá uma olhada lá para compreender melhor.

Outra coisa importante, é que você não precisa utilizar somente o dinheiro para utilizar como margem.

Assim, é possível se utilizar de títulos de renda fixa e até outros tipos de ações como garantia.

Ou seja, você pode fazer o eu dinheiro render de diversas maneiras ao mesmo tempo.

Desta forma, fica mais simples diversificar as suas aplicações e realizar um planejamento levando a sua alavancagem em consideração.

Isso pode contribuir para que você se aproxime de bons resultados com seus investimentos.

Entretanto, não podemos esquecer que a alavancagem aumenta as suas chances de sucesso, mas oferece um risco significativo.

Quais são os investimentos que podem ser utilizados como margem de garantia

Como já mencionei, o capital que será utilizado não precisa ser em dinheiro, obrigatoriamente.

Abaixo falarei quais são os investimentos que podem ser utilizados como uma margem de alavancagem:

  • Títulos públicos do Tesouro Direto;
  • Ações;
  • CDB.

É importante lembrar que nem todas as aplicações de renda fixa podem ser utilizadas com esse objetivo.

Ajustes diários e a margem de garantia

Por fim, antes de finalizarmos esse post, acredito ser fundamental dizer que a margem de garantia funciona como um limitador de perdas.

Isso vale tanto para as pessoas que investem, como os trader ou qualquer outro tipo de investidor.

Mas, se ocorresse uma variação inesperada, ela seria utilizada para minimizar os prejuízos.

Vamos imaginar que você faz varias operações no Mercado Futuro, mas você não tinha dinheiro em conta para poder quitar as transações ao final do dia.

Isso provavelmente iria impactar na sua conta e até mesmo nas pessoas que conseguiram um resultado positivo.

Para poder funcionar da melhor maneira, a Bolsa de Valores faz o que chamamos de ajuste diário, que acontece no final de cada dia, ao final do pregão.

De maneira bem resumida, são calculados os lucros e os prejuízos das pessoas que investiram no mercado futuro.

Assim, os recursos são transferidos ou mesmo descontados de maneira automática no dia seguinte.

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima