Saque do PIS/Pasep: 3 milhões de pessoas ainda não fizeram o saque

Para quem ainda não fez o saque do PIS/Pasep no ano de 2020, tem até o dia 30 de julho deste ano para fazer. De acordo com informações disponibilizadas pela Caixa, mais de 3 milhões de pessoas ainda não fizeram o saque. 

Publicidade

Vale lembrar que o saque do PIS/Pasep equivale ao ano trabalhado de 2019. Além disso, ele é proporcional aos meses trabalhados. Quem trabalhou os 12 meses, recebe o valor total, que é de R$1100 reais, o salário mínimo. 

Publicidade

Para quem trabalhou mais de trinta dias, o valor é proporcional e é calculado de acordo com as informações do cadastro do trabalhador. 

Quem pode receber o PIS

Quem deseja fazer o saque do PIS/Pasep, precisa preencher a alguns pré-requisitos. Entre eles, é necessário que tenha pelo menos cinco anos de inscrição no PIS para que possa receber o benefício pela primeira vez. 

Sem contar que o cidadão precisa ter um tempo de serviço de pelo menos trinta dias no ano de 2019, para que possa receber o valor mínimo do PIS. Atualmente, estima-se que o valor mínimo seja de R$92 reais. 

O que você procura?

CARTÃO DE CRÉDITO
   
APROVAÇÃO NO CARTÃO
   
CARTÃO PARA NEGATIVADO
   
CARTÃO SEM ANUIDADE

Além disso, só tem direito ao saque do PIS/Pasep quem recebeu mensalmente no máximo dois salários mínimos.  

Publicidade
Santander BR

Como consultar o valor do PIS?

Para quem não sabe se tem direito ou deseja consultar sobre o saque do PIS/Pasep, pode fazer o procedimento por meio da internet. 

Baixe o aplicativo Caixa Trabalhador, insira seus dados e clique em “Abono Salarial”. Depois é só conferir se você tem direito e quanto você poderá receber! 

Quem preferir pode saber o valor do seu abono por meio do telefone, que é 0800 726 0207. Basta inserir o seu CPF ou o NIS, informando corretamente o dia e o mês do seu nascimento.  

Saque do PIS/Pasep: como fazer?

Para fazer o saque do PIS/Pasep, o cidadão pode se dirigir até a agência Caixa mais próxima com o cartão cidadão. É só inserir o cartão e a senha e fazer o saque de forma rápida. 

Também dá para fazer o procedimento por meio de correspondentes Caixa, também com o cartão Cidadão e senha. 

Porém, em tempos de pandemia é melhor evitar locais lotados! Neste caso, a opção mais segura é fazer a operação por meio do aplicativo Caixa Tem, que pode ser instalado de forma fácil por meio da apple Store ou por meio da Google Play Store.

Para quem ainda não acessou, basta baixar o aplicativo e inserir os dados solicitados. Com o aplicativo, dá para pagar contas em geral e também dá para fazer a transferência do dinheiro disponível para sua conta pessoal. 

Vale lembrar que a transferência pelo aplicativo tem um valor máximo de 600 reais por transação. Porém, dá para fazer mais de uma transação em dias alternados. 

Com o aplicativo Caixa Tem, também dá para fazer compras online usando o saldo do PIS, para isso, é só usar a ferramenta de emissão de cartão de débito virtual que o aplicativo possui. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.