Viver de renda – Descubra quanto é preciso investir

Quanto será que é necessário investir para viver de renda? Bom, essa é uma pergunta que muitas pessoas querem saber.

Anúncios

Infelizmente, nem todas conseguem chegar até lá, mas se você, está buscando essa oportunidade e entender o quanto você precisa para conseguir viver apenas da renda gerada pelo seu investimento, fique comigo até o final que esse post é para você.

Boa leitura!

Anúncios

Antes de mais nada… qual é o primeiro passo antes de saber quanto investir para viver de renda?

É muito comum as pessoas que pensam em viver de renda gerada pelos investimentos considerar esse objetivo distante.

Anúncios

Afinal de contas, será que não precisa ficar milionária não para conquistar isso?

Bom, esse é um tema bem relativo e você não precisa, necessariamente ser milionário para investir.

Na verdade, para que você possa viver de renda, você só vai precisar ter a quantidade de dinheiro suficiente par poder manter a sua vida.

Anúncios
Anúncios

Portanto, a sua vida irá conseguir seguir, normalmente, com você vivendo somente com essa renda, sem precisar trabalhar.

Entretanto, você vai precisar ter uma fonte inicial para conseguir esse dinheiro.

Será justamente essa fonte que irá ser utilizada para que você possa viver sem “trabalhar”.

Ela pode partir de:

  • Renda ativa, quando você junta dinheiro;
  • Vender um ou mais bens;
  • Aluguel de imóveis;
  • Receber algum tipo de herança.

Como calcular o valor que preciso investir?

Suponhamos que para você viver de renda será preciso um retorno mensal de R$ 10 mil por mês.

Como bem sabemos, para você conseguir essa quantidade de dinheiro mensalmente, você vai precisar investir.

RECOMENDADO PARA VOCÊ:

CONTA + CARTÃO DE CRÉDITO PAN
   

Pensando no longo prazo, por exemplo, você pode aplicar o seu dinheiro no Tesouro IPCA+ 2050.

Esse é um título que paga a inflação dentro do período mais alto da inflação e uma taxa de juros que já está definida na hora que compra o título.

Certamente esse é um investimento seguro que irá garantir retorno financeiro de verdade.

Portanto, até 2050 você vai ter ganho dinheiro e você consegue ter uma ideia de quanto será esse dinheiro.

Planejando a sua aposentadoria para saber o quanto investir para viver de renda

Suponhamos que você seja autônomo e está interessado em planejar a sua aposentadoria.

O ideal é que o investimento seja sempre próximo do período de se aposentar, portanto, se você quer aposentar em 2050, esse título está ok.

Mas, se você quer aposentar antes, aí você precisa escolher outro título.

De maneira geral, comprar o IPCA+ significa que você vai estar emprestando dinheiro para o governo, que irá devolver para você pagando os juros.

Atualmente, esse é um investimento que paga 5% de juros no ano, além do valor da inflação que é 0,4% no mês.

Calculando o quanto investir para viver de renda

Agora, vamos pegar a quantia que você deseja receber no mês, que como exemplifiquei é R$ 10 mil e dividir por 0,4% que é a quantidade de juros que ele irá somar.

Assim, esse será o dinheiro que o governo vai te pagar por estar emprestando o dinheiro.

Será o resultado desse calculo é o quanto você vai precisar investir para aposentar e ter uma qualidade de vida interessante.

Portanto, o valor será de R$ 2.500.000,00.

Assim, se você quer aposentar e ter uma renda de R$ 10 mil, você vai precisar ter R$ 2,5 milhões investidos.

Vale lembrar que você não vai tirar esse dinheiro, ok? Você vai tirar somente o dinheiro de juros que o governo está pagando para você, no caso, R$ 10 mil.

Assim, você vai viver dos juros do seu investimento.

A conta segue a mesma regra para outros valores, como R$ 5 mil, por exemplo, que nesse caso, você vai precisar dividir por 0,004 que é 0,4% e dará um montante de R$ 1.250.00,00.

Que tipo de investimento escolher?

– Renda Fixa:

A poupança é um tipo renda que rende conforme os juros, entretanto, a quantidade é bem baixa.

Isso acontece porque a inflação corrói qualquer tipo de ganho significativo no longo prazo.

Não é por acaso que a renda fixa é bem popular no Brasil, pois, eles conseguem render o dobro do que acontece na poupança, mas, o grau de risco é o mesmo.

Assim, com uma Renda Fixa você vai conseguir emprestar o dinheiro para o Governo Federal ou mesmo para os bancos e você recebe juros por esse dinheiro.

Esse é um modelo de investimento perfeito para quem está começando no meio também, mas claro, não vai deixar você rico.

Portanto, se você quer viver de renda você vai precisar arriscar um pouco mais em investimentos como:

  • Criptomoedas;
  • Fundos de investimento;
  • Fundos imobiliários;
  • Câmbio;
  • Mercado de ações;
  • Commodities, etc.

Assim, você vai conseguir diversificar bem os seus investimentos em renda fixa e variável, aumentando assim os seus ganhos.

– Renda Variável:

Quem comprou Bitcoin no começo de 2010, que custava apenas R$ 100, hoje está muito bem.

Hoje, um Bitcoin custa nada mais do que R$ 187 mil.

Claro, nem todo mundo deu essa sorte, entretanto, não é incomum ouvir as histórias de quem ficou rico com investimentos que estejam dentro da renda variável.

Mas, você precisa tomar cuidado com as pessoas que estão lhe prometendo um retorno garantido, porque isso não existe.

Sim, os riscos da renda variável são maiores, portanto, quem garante alguma coisa está mesmo é querendo aplicar o golpe em você.

Tomando esses cuidados, tenho certeza que você vai se dar muito bem dentro da renda variável.

Ela é quase uma obrigação para os investidores que querem ser independentes financeiramente.

Aqui no site eu tenho um post, inclusive, que falo como você pode investir em ações, que é uma renda variável, e algumas dicas para escolher a melhor aplicação.

Além disso, antes de você decidir fazer qualquer tipo de investimento, descubra qual é o seu perfil de investidor para escolher sempre os melhores títulos.

Anúncios

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima