5 Dicas Essenciais para Investir em Ações

Investir em ações não é difícil, mas o que é desafiador é escolher empresas que consistentemente superam o mercado de ações.

Anúncios

Isso é algo que a maioria das pessoas não conseguem fazer, e é por isso que você está à caça de dicas de ações. 

Sendo assim, as estratégias abaixo fornecerão regras e estratégias experimentadas e verdadeiras para investir em ações. 

Anúncios

Portanto, leia este artigo até o final e fique por dentro do mercado financeiro! Boa leitura!

1. Controle as suas emoções para investir em ações

investir em ações

Em primeiro lugar, “O sucesso em investir não se correlaciona com o QI … o que você precisa é do temperamento para controlar os impulsos que colocam outras pessoas em dificuldades para investir”. 

Essa é a sabedoria de Warren Buffett, presidente da Berkshire Hathaway e um sábio investidor de cotas frequentes e um modelo para investidores que buscam retornos de longo prazo, que batem o mercado e que geram riqueza.

Anúncios

Além disso, Buffett está se referindo a investidores que deixam suas cabeças, e não as suas emoções, guiar suas decisões de investimento. 

2. Foque na escolha de empresas, não de símbolos

É fácil esquecer que por trás da sopa do alfabeto de cotações de ações que rastejam ao longo do fundo de cada transmissão da Ibovespa está um negócio real, mas não deixe que a coleta de estoque se torne um conceito abstrato. 

Lembre-se: Comprar uma parte das ações de uma empresa faz com que você seja dono de uma parte desse negócio.

Dessa maneira, você se deparará com uma quantidade esmagadora de informações à medida que você seleciona potenciais parceiros comerciais. 

3. Planeje com antecedência para os tempos de pânico

Todos os investidores são às vezes tentados a mudar seu status de relacionamento com suas ações, mas a tomada de decisões de calor do momento pode levar à gafe clássica do investimento: comprar alto e vender baixo.

Portanto, escreva o que torna cada ação de sua carteira digna de um compromisso e, embora sua cabeça esteja clara, as circunstâncias justificariam uma ruptura. 

Por exemplo, por que eu estou comprando? Explique o que você acha atraente sobre a empresa e a oportunidade que você vê para o futuro. 

  • Quais são suas expectativas? 
  • Que métricas são mais importantes e que marcos você usará para julgar o progresso da empresa? 

Catalogue as potenciais armadilhas e marque quais seriam as que mudariam o jogo e quais seriam os sinais de um retrocesso temporário.

4. Construa posições gradualmente ao investir em ações

O tempo, não é somente o tempo, é a superpotência de um investidor. 

Os investidores mais bem-sucedidos compram ações porque esperam ser recompensados – via valorização do preço das ações, dividendos, etc. – ao longo de anos ou mesmo décadas. 

Isso significa que você pode levar seu tempo na compra também. 

Dessa maneira, aqui estão três estratégias de compra que reduzem sua exposição à volatilidade dos preços:

Média dos custos em real e dólar: Isto parece complicado, mas não é. A média do custo do dólar significa investir uma quantia fixa em intervalos regulares, como uma vez por semana ou por mês. 

Essa quantia fixa compra mais ações quando o preço das ações desce e menos ações quando sobe, mas, em geral, evapora o preço médio que você paga. 

Algumas corretoras on-line permitem que os investidores estabeleçam um cronograma de investimento automatizado.

5. Evite a superatividade comercial

Checar seus estoques uma vez por trimestre – como, por exemplo, quando você recebe relatórios trimestrais – é bastante, mas é difícil não manter um olho constante no placar. 

Isto pode levar a uma reação exagerada a eventos de curto prazo, concentrando-se no preço das ações em vez do valor da empresa e sentindo que você precisa fazer algo quando nenhuma ação é justificada.

Quando uma de suas ações experimentar um movimento brusco de preço, descubra o que desencadeou o evento. 

Suas ações são vítimas de danos colaterais do mercado, respondendo a um evento não relacionado? Alguma coisa mudou nos negócios subjacentes da empresa? 

É algo que afeta significativamente sua perspectiva de longo prazo?

Com certeza, com essas dicas será bem mais fácil investir em ações!

Dúvidas? Deixe abaixo nos comentários!

Rolar para cima