Brasil também adota semana de 4 dias de trabalho e 3 de descanso

Algumas empresas já estão levando a ideia a sério, e essas empresas já estão adotando

Anúncios

Países como Japão, Islândia e Emirados Árabes Unidos implementaram uma semana de apenas 4 dias de trabalho e 3 dias de descanso.

O debate sobre o tema vem depois que o mundo foi atingido pela pandemia de Covid-19, obrigando muitas empresas a se adaptarem a novos modelos de trabalho híbridos ou totalmente remotos.

Nos EUA, uma pesquisa da empresa de serviços financeiros Jeffrey descobriu que, desde novembro de 2021, cerca de 32% dos jovens de 22 a 25 anos que deixaram seus empregos permaneceriam se a empresa oferecesse uma semana de trabalho de quatro dias.

O país norte-americano assistiu a um fenómeno no número de trabalhadores desligados, com 20 milhões a pedir voluntariamente para deixar os seus empregos desde o início da pandemia de Covid-19. Este movimento veio a ser conhecido como “grandes monges”.

________________
________________

E no Brasil?

Algumas empresas já estão levando a ideia a sério, e essas empresas já estão adotando esse modelo. Eles ainda são poucos em comparação com outros países.

O empresário Luciano Braga, da Agência Shoot, observou que a taxa de vacância de sua agência aumentou mais de 300% depois que ele não só reduziu a jornada de trabalho para quatro dias, como também reduziu a carga horária para seis horas diárias. A declaração foi enviada ao site Educa Mais Brasil

A nova jornada de trabalho de apenas quatro dias por semana não altera nenhum direito dos trabalhadores e os salários permanecem os mesmos, o que é uma forma de motivar ainda mais os funcionários a se dedicarem ao novo modelo.

Este dia útil também é conhecido como 4×3, ou seja, 4 dias úteis e 3 dias de folga.

No Brasil, espera-se que a maioria das empresas adote em breve o novo modelo de trabalho.

A legislação brasileira permite 4 e 3 dias de folga por semana?

De acordo com a legislação brasileira, a jornada de trabalho deve ser de 8 horas por dia e 44 horas por semana. No entanto, nada impede que a carga de trabalho fique mais curta. Isso porque a lei só impede viagens mais longas, não as mais curtas.

Após a implementação da reforma pelo trabalho em 2017, passou a ser implementado um máximo de 30 horas semanais de trabalho, não havendo a opção de fazer horas extras semanais ou 26 horas semanais, sendo que o máximo de horas extras pagas pode ser de até 6 horas . Neste caso, a empresa pode candidatar-se a um emprego a tempo parcial, 4 dias por semana, não podendo o profissional ultrapassar o limite de horas de trabalho contratado em hipótese alguma.

A multinacional alimentícia e farmacêutica Unilever está testando uma semana de trabalho de quatro dias na Nova Zelândia com aproximadamente os mesmos salários por um ano. Se o modelo atender às expectativas da empresa, será expandido para outros países.

 

Gostou deste conteúdo? Siga-nos no Google Notícias:

COMPARTILHAR
COMPARTILHAR
TWITAR

VEJA TAMBÉM:

Copyright © 2019 – 2021 Dinheiro Bem Cuidado CNPJ: 23.654.977/0001-28

0

Aguarde… Carregando Conteúdo