Volatilidade no mercado – Até quando ela é interessante para o trader

Será que existe algum momento do qual a volatilidade no mercado é interessante? Se você quer saber e entender mais sobre o tema, fique comigo, pois, esse post é para você.

Anúncios

Aqui falarei como funciona essa volatilidade na maneira do trader atuar no mercado e como você pode lidar com essa situação.

Vamos iniciar então? Boa leitura!

O que é a volatilidade no mercado?

Não tem como negar que os últimos meses no mundo da renda variável foi incomum e quase nunca visto, não é mesmo?

Bom, a volatilidade no mercado financeiro é um grau de oscilação de valor dentro de um determinado período.

Portanto, se uma ação sobe 10%em um determinado dia e caia 15% no outro ela pode ser considerada uma ação com alta volatilidade.

Mas, essa volatilidade pode ser considerada ruim para o investidor que compra essa ação?

Faça como mais de 143.907 pessoas
Cadastre-se e Receba nossos conteúdos diretamente no seu E-MAIL.

Bom, a resposta é depende.

Se você levar em consideração que a ação rendeu 10% em um dia e o investimento mais popular do Brasil, a poupança, rendeu 2020 apenas 2,11% a resposta pode acabar variando.

Mas, segundo um grande especialista, Warren Buffet, “o risco vem de você não saber o que está fazendo”.

Ou seja, se você sabe do investimento que está fazendo e dos riscos que está nele, você pode se surpreender com os possíveis resultados.

O que um trader busca no mercado?

Para os desentendidos o trader é o participante do mercado que irá procurar oportunidades de curto prazo dentro da renda variável com o objetivo de especular na Bolsa de Valores.

Assim, ele opera através da análise técnica ou gráfica facilitando entender o que acontece no mercado.

Ou seja, ele é bem diferente do que fazem os investidores de médio e longo prazo, que utiliza uma análise mais fundamentalista, focada nos aspectos financeiros e econômicos das empresas.

Na maior parte do tempo, a volatilidade se mostra mais interessante para as pessoas que querem um retorno de curto prazo, no caso, o trader.

Dá para prever as instabilidades do mercado?

Em alguns casos sim e outros não.

Os momentos que você consegue antecipar uma maior volatilidade são aqueles que tem uma frequência regular como:

  • Resultados trimestrais;
  • Dados econômicos semanais, mensais e anuais;
  • Eleições;
  • Abertura e fechamento de outros mercados.

Entretanto, tenha atenção, saber com antecedência que irá acontecer uma maior oscilação de preço não quer dizer que você sabe qual é o sentido que o mercado vai.

Portanto, esse pode ser um tiro no escuro e nunca é o recomendado.

Já os momentos em que não consegue prevê uma maior volatilidade são aqueles que conseguem surpreender todo o mercado, que é quando acontece explosões principalmente nos setores políticos e ambientais.

A medida perfeita da volatilidade no mercado

Vale lembrar que para que você ganhe aqui como trader, você precisa que os preços oscilem e que os ativos se movimentam com certa intensidade.

Já quando o mercado está parado e não tem muitas oportunidades, é comum ver que os traders iniciantes comecem a criar entradas que não deveriam serem feitas.

O seja, ele se decepciona com a falta de movimento dos mercados e sofre com as operações.

Não se esqueça meu caro que não operar no mercado financeiro é também operar.

Por outro lado, um mercado repleto de volatilidade também acaba deixando alguns traders perdidos sobre qual é o rumo que o ativo vai seguir e deixa os investidores com pouco ou nenhum tempo para reação.

Portanto, a fica é não ir com muita sede ao pote e aguarde o melhor momento para realizar as suas operações.

Gostou deste conteúdo? Siga-nos no Google Notícias:

COMPARTILHAR
COMPARTILHAR
TWITAR

VEJA TAMBÉM:

Copyright © 2019 – 2021 Dinheiro Bem Cuidado CNPJ: 23.654.977/0001-28

0

Aguarde… Carregando Conteúdo