Auxílio Brasil vai subir para R$ 600, veja quando deve começar o novo aumento

Todos os beneficiários do Auxílio Brasil que atualmente pagam R$ 400 devem receber novo crescimento

Anúncios

Na semana passada, o presidente Jair Bolsonaro confirmou uma nova adição ao Auxílio Brasil, cujos benefícios serão aumentados para 600 reais dos atuais 400 reais.

Aumento do valor do Auxílio Brasil de 200 reais deve ser incluído na Emenda Constitucional (PEC) nº 16/22.

Além disso, o mesmo PEC incluirá o aumento do valor do Vale Nacional do Gás e o atendimento aos caminhoneiros, que atenderá cerca de 900 mil caminhoneiros com vales de R$ 1.000.

No entanto, é importante lembrar que, por estarmos em ano eleitoral, a lei eleitoral proíbe a criação ou ampliação de programas sociais.

Para contornar o problema, no entanto, o governo deixou claro que vai criar um estado de emergência, o que abrirá caminho para que as novas intenções sejam colocadas em prática.

Auxílio Brasil de R$ 600

A ampliação do Auxílio Brasil de 400 reais para 600 reais é simbólica e diz respeito ao valor pago nas cinco primeiras parcelas do auxílio emergencial para 2020, que foram liberadas no início da pandemia de Covid-19.

Porém, embora o valor do Auxílio Brasil seja o mesmo do auxílio emergencial, ele difere do plano emergencial pago em 2022.

Isso porque a taxa de inflação no país foi muito inferior ao nosso patamar atual durante o pagamento do auxílio emergencial de 600 reais.

Dessa forma, o poder aquisitivo dos 600 reais que serão pagos no Auxílio Brasil hoje é bem menor do que no período do resgate, pois o avanço da inflação encarece os preços dos produtos e serviços.

Quando começa a valer o Auxílio Brasil de R$ 600

Com a notícia de que o Auxílio Brasil subirá para R$ 600 no segundo semestre, muitos beneficiários já esperam um aumento de preço.

No entanto, ainda não há data para o pagamento do Auxílio Brasil e o aumento prescrito pelo Presidente. Isso porque a PEC contendo os novos valores emitidos pelo presidente deve ser divulgada nesta semana, sujeita à análise e aprovação do Congresso.

Nesse sentido, embora não definido, o governo espera começar a desembolsar o novo valor a partir de agosto, tendo em vista que julho será processado e aprovado pela PEC que estabelece o novo valor da ajuda ao Brasil.

Gostou deste conteúdo? Siga-nos no Google Notícias:

COMPARTILHAR
COMPARTILHAR
TWITAR

VEJA TAMBÉM:

Copyright © 2019 – 2021 Dinheiro Bem Cuidado CNPJ: 23.654.977/0001-28

Aguarde…