Circuit Breaker – Descubra tudo sobre essa pausa nos investimentos

Quer saber o que é Circuit Breaker, para que ele serve e claro, que influencia ele tem no mercado financeiro? Esse post é para você.

Publicidade

Aqui falarei tudo o que você precisa saber sobre o tema, além de apontar os momentos mais importantes da história que esse tipo de situação ocorreu.

Publicidade

Vamos iniciar? Boa leitura!

O que é o Circuit Breaker?

Quando uma equipe não está indo bem em uma partida de basquete e toma seguidamente, três ou quatro cestas que valem três pontos, o que o treinador tende a fazer? Parar o jogo.

Dentro do mercado de ações, esse tipo de pausa é conhecido como Circuit Breaker, que é um mecanismo dentro da bolsa de valores (B3).

O que você procura?

CARTÃO DE CRÉDITO
   
APROVAÇÃO NO CARTÃO
   
CARTÃO PARA NEGATIVADO
   
CARTÃO SEM ANUIDADE

Ou seja, essa pausa funciona como se fosse um tempo técnico, para conseguir interromper negociações de compra e venda quando o preço das ações acaba caindo rapidamente.

Publicidade
Santander BR

Além disso, é importante lembrar que o Circuit Braker não é um evento muito comum e, normalmente, ele está ligado sempre a algumas situações como:

  • Crise financeira mundial;
  • Cenário turbulento na economia;
  • Incertezas na política.

Essas são situações que podem impactar diretamente na sociedade, como por exemplo, o que acontece hoje, com a pandemia.

Quando o Circuit Breaker é acionado?

– Queda do Ibovespa em 10%:

O primeiro Circuit Breaker é acionado quando o Ibovespa, hoje, o principal índice da Bolsa de Valores no Brasil, cai 10% em comparação ao que foi fechado no pregão anterior.

Nesse primeiro momento, a Bolsa acaba ficando paralisada por cerca de 30 minutos, para conseguir reduzir a volatilidade dos preços e conter o pânico e a irracionalidade do mercado.

Se a bolsa reabrir e continuar caindo de mais acentuada, os outros Circuit Breakers podem ser acionados, paralisando o mercado por períodos mais longos.

– Queda do Ibovespa em 15%:

Depois de acontecer a paralisação de 30 minutos, a B3 volta a permitir novas negociações, esperando que o mercado volte ao normal.

Se o mercado continuar em queda e acumular 15% de desvalorização, então irá acontecer um novo Circuit Breaker, onde as negociações ficaram interrompidos por mais uma hora.

– Queda do Ibovespa em 20%:

Por fim, depois de uma hora parada, a Bolsa volta a reabrir as negociações.

Se ainda assim, o Ibovespa continuar em queda, chegando a 20%, a Bolsa de Valores suspende as suas atividades e se torna responsável para definir um novo prazo para reabrir o mercado.

Quando foi a última vez que o Circuit Breaker foi utilizado?

Em toda a história do Brasil, no mercado financeiro e principalmente da Bolsa de Valores, no total aconteceram 24 Circuit Breakers.

Seis dessas situações aconteceram no ano passado, entre um intervalo de 11 dias, 9 até 18 de março.

O motivo para isso é bem claro, a covid-19 e as incertezas do cenário na pandemia.

Diante da situação, o preço do petróleo caiu devido a um acordo que não foi concretizado entre os Opep e Rússia.

Assim, a Arábia Saudita, que é uma das maiores produtoras de petróleo, mundialmente falando, decidiu reduzir o preço do barril e começar a aumentar a produção.

Desta forma, como sabemos de oferta e demanda de mercado, o petróleo caiu mais de 30%, afetando todos os mercados mundialmente falando.

Assim, o mercado mal abriu e a Bolsa de Valores já caía pouco mais de 10%. Diante disso, foi preciso acionar o Circuit Breaker e paralisar novas negociações por meia hora.

A partir dessa mudança de valores, muitas ações precisaram de correção, principalmente as ações da Petrobras.

Depois disso, todos os dias seguintes, 10, 11, 12, 13, 14, 15, 16, 17 e 18 de março receberam o Circuit Breaker.

As principais quedas foram:

– OMS anuncia que o coronavírus deveria ser considerada uma pandemia, no dia 10 e ficou 30 minutos fechada;

– Pandemia do coronavírus ganhou proporções mundiais e a Bolsa de Valores parou durante 30 minutos e depois  durante 1 hora, depois que Trump suspendeu viagens por toda a Europa, o dia 11 de março.

– Diante da queda da economia chinesa, o pregão da B3, no dia 16 de março inicial já com pausa de trinta minutos.

O Circuit Breaker pode ser considerado uma ferramenta de segurança dos investidores?

Certamente esse é uma das ferramentas mais interessantes que foram utilizadas pela Bolsa de Valores.

Ela é tão interessante porque ela serve para proteger os investidores a evitarem possíveis efeitos que acabam acontecendo e que prejudique os investimentos que são realizados dentro da Bolsa.

Então, sim, podemos considerar essa ferramenta como um ponto extra de proteção, para que você tenha a chance de investir o seu dinheiro na Bolsa.

Assim, coma  pausa das negociações, a bolsa acaba permitindo que os investidores ganhem tempo para se planejar em um momento de incerteza do mercado.

Esse tipo de comportamento evite que o mercado faça negociações de maneira desesperada, o que leva uma queda descontrolada dos preços dos ativos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.