Como fazer a inscrição para o concurso do Senado? Veja o passo a passo

Os interessados ​​em concorrer a uma das 1.002 vagas oferecidas na disputa pelo Senado devem se inscrever até 21 de setembro. Anúncio abre oportunidades para analistas, advogados, consultores e policiais legislativos

Anúncios

Você tem dúvidas sobre como se inscrever para a corrida ao Senado? Veja abaixo um guia passo a passo detalhado sobre como se envolver.

Inicialmente, a opção oferecia 1.014 vagas (entre inscrições imediatas e reservadas), que foram reduzidas para 1.002 após a correção do edital.

Para começar, é importante lembrar que o prazo de inscrição estará aberto até 21 de setembro às 16h.

A Fundação Getúlio Vargas (FVG) é o banco responsável por receber as inscrições e administrar as provas.

 

Os interessados ​​em licitar devem acessar o site www.conhecimento.fgv.br, selecionar o edital desejado e clicar no botão “Cadastrar”.

Esta página exigirá a inserção do CPF e senha (para usuários já logados) ou a criação de um cadastro para um novo usuário.

Em seguida, basta inserir todos os dados e informações solicitadas pelo banco, incluindo a cidade de interesse para a realização do teste.

O último passo é pagar a taxa de inscrição – quem quiser ficar isento tem até 25 de agosto para se inscrever. O valor é definido como:

 

  • R$ 55 (policial legislativo);
  • R$ 73 (analista legislativo);
  • R$ 94 (advogado e consultor legislativo).

Em caso de dúvida, os candidatos podem obter mais informações junto à FGV pelo telefone 0800 283 4628 ou pelo e-mail concursos [email protected]

Fases da corrida para o Senado

As provas objetivas e discursivas estão marcadas para o dia 6 de novembro – apenas para candidatos a advogado e advogado, com uma segunda avaliação no mesmo mês 27.

Aplicado em todas as capitais do Brasil, o exame abrangerá conteúdos em Português, Inglês, Raciocínio Matemático, Legislação, Conhecimentos Jurídicos e Conhecimentos Específicos.

Ainda sem data definida, outras etapas do processo seletivo incluem:

 

  • exame prático de taquigrafia para analista — registro e redação parlamentar;
  • análise de títulos para advogado e consultor (todas as especialidades);
  • exames psicotécnico e de sanidade física e mental, teste físico e investigação social para policial legislativo.

A seleção terá validade de dois anos, a contar da homologação do resultado final. O prazo poderá ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério do órgão, conforme estabelecem os editais.

 

Gostou deste conteúdo? Siga-nos no Google Notícias:

COMPARTILHAR
COMPARTILHAR
TWITAR

VEJA TAMBÉM:

Copyright © 2019 – 2021 Dinheiro Bem Cuidado CNPJ: 23.654.977/0001-28

Aguarde…