Novo valor do Bolsa Família é anunciado, confira!

Na última semana, o Bolsa Família passou por algumas reformulações que foram anunciadas, dentre as principais mudanças está o nome e o valor do benefício.

Anúncios

Dessa maneira, o novo nome do programa é Bolsa Família Melhor, e o novo valor será de R$300 em média.

Sendo assim, o novo benefício promete pagar até R$108 a mais do que o programa anterior, ajudando as famílias a se manterem, já que o custo da cesta básica também subiu.

Atualmente, as famílias que recebem o benefício social, sacam um valor de R$192 por cada família inscrita.

Entenda mais sobre a reformulação do Bolsa Família

Reformulação do programa do Bolsa Família

LEIA MAIS:

CARTÃO DE CRÉDITO
 
CARTÃO DA CAIXA
 
CARTÃO DE CRÉDITO NUBANK
 
CARTÃO PARA NEGATIVADO
             

Em primeiro lugar, é preciso entender que o programa do Bolsa Família passou por algumas mudanças na sua estrutura.

A ideia inicial do governo federal era extinguir o atual programa e implantar o programa Renda Básica e Renda Cidadão, mas os projetos acabaram não possuindo continuidade.

Dessa forma, o programa atual passou por algumas mudanças que vêm sendo discutidas desde o ano passado.

Dentre as principais mudanças, estão a mudança do nome para Bolsa Família Melhor e a alteração do valor, de R$192 para até R$300.

Porém, alguns canais da imprensa afirmam que não será possível efetuar o pagamento do valor prometido pelo presidente, principalmente devido ao teto de gastos do governo.

Declaração do Presidente Bolsonaro sobre o programa social

Em entrevista, o atual presidente do Brasil informou que a inflação de produtos que constituem a cesta básica ficou em 14%, em que alguns produtos tiveram a alteração de valor de até 50%.

“E o Bolsa Família, a ideia é dar um aumento de 50% para ele em dezembro, para sair de média de R$190, um pouco mais de 50% seria (o aumento), para R$300. É isso que está praticamente acertado aqui”, declarou Bolsonaro.

O aumento do valor do programa social gerará um gasto adicional ao governo de R$18,7 bilhões em 2022.

Sendo assim, o custo total do programa para os cofres públicos deve ser de R$30 bilhões.

Quem pode se inscrever no Bolsa Família?

Existem alguns requisitos para se inscrever no Bolsa Família, dentre eles, estão:

  • Famílias extremamente pobres, que tenham renda de até R$89 por pessoa;
  • Famílias pobres, que têm renda variável entre R$89 e R$178 por pessoa.

Ou seja, para se cadastrar no programa é necessário que as famílias estejam em situação de extrema pobreza e vulnerabilidade social.

O programa de renda foi criado em 2004 e atualmente contempla cerca de 13 milhões de famílias em todo o país.

Gostou do nosso artigo? Aproveite e compartilhe este post com os seus familiares e amigos nas redes sociais!

Dúvidas? Deixe abaixo nos comentários!

Rolar para cima