Você sabe como fazer um planejamento financeiro pessoal?

Planejamento financeiro nada mais é do que uma estratégia organizada de toda a sua finança. É um controle completo feito para facilitar a estratégia econômica de cada um.

Anúncios

Ter um planejamento financeiro pessoal ajuda na organização financeira, o que facilita atingir metas que envolvam investimento, além de evitar a inadimplência. Com um bom planejamento em mãos, você consegue controlar seus gastos, saber quando pode investir e não se esquecer de manter as contas em dia.

Existem várias formas de fazer seu planejamento pessoal, mas algumas dicas são bem simples podem ser seguidas sem muito conhecimento de programa.

Anote tudo o que entra e sai no seu planejamento financeiro

É importante ter um controle de quanto de dinheiro você está controlando. Quanto entra, quanto sai, de onde vem e para onde vai.

Anotar onde estão sendo feitos os gastos ajuda a saber onde economizar quando precisar fazer cortes no orçamento, além de ajudar a entender para onde está indo seu dinheiro. Esse controle é importante porque, muitas vezes, diversos gastos que não são importantes, podem estar sugando seu dinheiro sem que você perceba.

LEIA MAIS:

CARTÃO DE CRÉDITO
 
CARTÃO DA CAIXA
 
CARTÃO DE CRÉDITO NUBANK
 
CARTÃO PARA NEGATIVADO
             

A dica maior aqui é anotar tudo em uma planilha, mas em um caderninho já serve. Faça uma coluna com descrição, que é onde você vai informar o que é essa movimentação, outra coluna com Valor e outra com Status. Na última coluna sempre informe se, caso for dívida, se foi paga e quando, mas se for recebimento, se já recebeu e quando.

O ideal é ter uma folha para saída e outra para entradas. Isso ajuda a ver, também, qual período do mês é o mais ideal para investir.

Defina objetivos e metas no seu planejamento financeiro pessoal

As metas ajudam a dar um rumo em cada coisa que fazemos, além de definir um propósito e nos dar mais ânimos de continuar. Por isso, defina metas.

Desde metas pequenas, quanto conseguir deixar livre toda semana R$10,00, até metas maiores como a compra de uma casa.

Quando você consegue ver um objetivo para tudo isso,fica mais fácil trabalhar em seu planejamento financeiro pessoal.

Como você tem gastado seu dinheiro?

Crie o hábito de ter comprovantes de seus gastos e faça um histórico sobre eles. Emita o extrato bancário de todas as suas contas que trabalham com sua movimentação financeira, contas pagas, cupons de supermercado, cartão de crédito, etc.

Anote tudo e compare com o mês seguinte, onde você já seguiu a dica de acompanhar todos os seus passos.

Essa visão vai te ajudar a saber o que é prioridade, e o que não é.

Melhore seus hábitos financeiros

Quando você sabe para onde está indo seu dinheiro, consegue melhorar e muito seus hábitos financeiros. Por isso, comece a repensar seus gastos.

Se você possui a mania de sempre ir ao mercadinho mais perto, justamente por ser mais perto, que tal começar a consultar os preços dos mercados maiores, mesmo pagando condução? Compras em grandes mercados de Atacado costumam valer muito a pena.

Outra dica é cortar aquilo que não usa muito, ou que nem usa, mas que continua cobrando na sua fatura. Muita gente costuma ter dois serviços de streaming de música, por exemplo. Você precisa de tantos?

E quanto está pagando no plano mensal da sua internet? Você realmente consegue aproveitar tudo o que ela vale, ou dá para dar uma reduzida?

Leia também: Planejamento financeiro 2021 – Descubra como ficar no azul o ano inteiro

 

Rolar para cima