Como posso parar de usar o cheque especial?

Veja neste artigo como é possível para o uso do cheque especial e ter uma melhor saúde financeira!

Anúncios

Os cheques especiais são uma forma cara de dívida, e há medidas práticas que você pode tomar para escapar do ciclo vicioso. 

Dentre as principais ideias, então: reduzir gradualmente o seu cheque especial, usar um cartão de crédito ou poupança para pagá-lo, e parar de utilizá-lo.

Portanto, se você tem usado o fundo da sua conta para complementar regularmente sua renda, talvez seja hora de encontrar outras maneiras de fazer isso.

Afinal, um cheque especial pode ser uma fonte útil de fundos imediatos em uma emergência, mas é uma maneira cara de tomar emprestado. 

________________
________________

Procure sempre outras fontes de renda mais baratas antes de usar um cheque especial, e mantenha essa opção como último recurso!

Afinal, como posso parar de usar o fundo da minha conta?

cheque especial

Pode ser muito fácil encontrar você usando um tempo significativo em seu cheque especial a cada mês. 

Pode ser que seja um problema que se acumula gradualmente ao longo do tempo. 

Ou talvez você tenha tido que fazer pagamentos fora do normal em tempos recentes, como um grande conserto do carro ou um depósito para uma nova casa.

Também é fácil esquecer que seu cheque especial é uma forma de dívida. 

Desse modo, passar muito tempo com a conta corrente descoberta é uma forma cara de pedir dinheiro emprestado. 

Esta é apenas uma razão pela qual você pode querer sair do seu descoberto o mais rápido possível, mesmo que possa parecer uma coisa difícil de se fazer.

Saindo do meu cheque especial – por onde eu começo?

Pode demorar um pouco para sair deste tipo de cheque, dependendo de quanto você o tem usado e de quanto você pediu emprestado. 

Sendo assim, para começar, você deve fazer as seguintes coisas:

  • Pare de usar o seu cheque especial: se você não precisa mais deste serviço, pare de usá-lo e, em vez disso, trabalhe para pagá-lo;
  • Crie (ou revise) o seu orçamento: trabalhe em detalhes e defina quais são seus gastos atuais, assim como sua renda. Isto será vital quando você passar para os próximos passos;
  • Fale com seu credor: eles poderiam concordar em reduzir o seu limite de cheque especial gradualmente a cada mês. Ou eles podem estar dispostos a suspender os juros e encargos sobre seu cheque especial por algum tempo.

Se você estiver usando muito o seu cheque especial, e até mesmo entrando em seu cheque especial sem compromisso, isso pode ser um sinal de que você precisa de conselhos gratuitos e especializados sobre dívidas.

Não deixe de procurar ajuda, pois isso pode facilmente se tornar uma bola de neve!

Dúvidas? Deixe abaixo nos comentários!

Gostou deste conteúdo? Siga-nos no Google Notícias:

COMPARTILHAR
COMPARTILHAR
TWITAR

VEJA TAMBÉM:

Copyright © 2019 – 2021 Dinheiro Bem Cuidado CNPJ: 23.654.977/0001-28

0

Aguarde… Carregando Conteúdo