Auxílio Emergencial prorrogado? Guedes não descarta a ideia!

Será que existe a possibilidade do auxílio emergencial ser prorrogado? A ideia ainda não foi descartada completamente por Paulo Guedes.

Anúncios

O programa Auxílio Brasil ainda não saiu do papel. Desse modo, existe sim a possibilidade de que o auxílio emergencial seja prorrogado até o ano de 2022.

Inclusive, o atual ministro da economia, Paulo Guedes, falou essa semana sobre a agenda social do ano de 2022.

Sendo assim, de acordo com o atual ministro o auxílio emergencial prorrogado é uma possibilidade para o próximo ano.

Quer saber mais sobre o assunto? Então leia este artigo até o final e fique por dentro das novidades sobre o benefício do governo!

LEIA MAIS:

CARTÃO DE CRÉDITO
 
CARTÃO DA CAIXA
 
CARTÃO DE CRÉDITO NUBANK
 
CARTÃO PARA NEGATIVADO
             

Boa leitura!

Auxílio Emergencial prorrogado novamente

Desde o ano passado, a população brasileira tem recebido um auxílio do governo devido a crise financeira que aconteceu devido a pandemia do Covid-19.

Desse modo, esse auxílio ajudou milhões de brasileiros a sobreviverem enquanto encontram-se desempregados devido à crise.

De acordo com o atual presidente da república, Jair Bolsonaro, o auxílio será finalizado no mês de outubro com o pagamento da última parcela para a população brasileira.

Em seguida, será implementado o programa que substituirá o Bolsa Família, ou seja, o Auxílio Brasil, que já explicamos em um outro post aqui no blog.

Entretanto, ainda não há certeza de que o programa irá realmente funcionar, principalmente devido a falta de orçamento.

Apesar de todo o projeto já ter sido criado, se não houver dinheiro suficiente para efetuar o pagamento das transações, o programa não funcionará.

Segundo Paulo Guedes, “Inadvertidamente o mundo empresarial vai a Brasília e faz um lobby contra o (projeto de reforma do) Imposto de Renda. Ele na verdade está inviabilizando o (aumento do) Bolsa Família. Vai produzir uma reação do governo que é o seguinte: ah é, então quer dizer que não tem fonte não, né? Não tem tu vem tu mesmo. Então é o seguinte, bota aí R$ 500 logo de uma vez e é auxílio emergencial. A pandemia está aí, a pobreza está muito grande, vamos para o ‘vamos ver’”.

Afinal, o auxílio emergencial será prorrogado?

O auxílio emergencial prorrogado é a pergunta que não quer calar, mas como foi possível perceber, o ministro da economia não descartou completamente a ideia.

Já que o custo do programa do Auxílio Brasil já está acima do orçamento, o custo seria de R$50 bilhões, e R$30 bilhões já corresponde ao custo do Bolsa Família.

Portanto, agora resta esperar para saber se o auxílio emergencial prorrogado será realmente colocado em prática ou não.

Gostou do nosso artigo sobre o auxílio do governo? Então compartilhe nas suas redes sociais!

Dúvidas? Deixe abaixo nos comentários!

Rolar para cima